EDI: Reduza Custos e Aumente a Produtividade do Departamento Financeiro


EDI:  Reduza Custos e Aumente a Produtividade do Departamento FinanceiroNão se pode negar a praticidade do Internet Banking e como ele facilita a vida de pessoas físicas e jurídicas. Por meio desse sistema disponibilizado pelas instituições financeiras, é possível acessar a conta corrente e realizar transações como consultar saldos, gerar extratos e fazer pagamentos. No entanto, quando se fala em escala, essas facilidades deixam de ser tão atrativas. Uma empresa que começa a trabalhar com muitos bancos e parceiros de negócio, por exemplo, já não pode mais apoiar sua gestão financeira nesse tipo de acesso. É preciso buscar conectividade financeira.

Por isso, investir em uma plataforma EDI (Electronic Data Interchange) é uma excelente alternativa, porque além de reduzir o trabalho manual também gera economia para sua empresa. Veja como:

#1 Padronizando as informações a serem enviadas

Imagine uma empresa que tem mensalmente milhares de boletos a pagar, referentes a uma centena de fornecedores. Incremente esse cenário, considerando que os boletos pertencem a uma dezena de diferentes bancos. De outro lado, essa empresa também tem outros milhares boletos a receber de seus clientes. Nas duas situações, a empresa precisa garantir de que datas de vencimento e valores envolvidos estejam corretos. Ao trabalhar com uma plataforma EDI, que tem a capacidade de processar milhares de transações por dia, as informações dos bancos são padronizadas e passam por uma espécie de tradução para serem disponibilizadas para as empresas controlarem  pagamentos e recebimentos, por exemplo.

#2 Estabelecendo a comunicação com o parceiro de negócio

Uma vez que as informações foram traduzidas pelo EDI, elas estão prontas para serem transmitidas ao seu parceiro de negócios. Nesse ponto, sua empresa pode contar com um provedor de rede EDI, conhecido como VAN (Rede de Valor Agregado), que é uma rede de comunicação privada entre sua empresa, seus fornecedores, suas operadoras de cartões e os bancos. A VAN vai automatizar a troca de dados, reduzindo drasticamente o tempo que a equipe perde consolidando informações. Retomando o exemplo da empresa citada acima, assim que identificar a necessidade de realizar a cobrança de um boleto, ou o pagamento a um dos seus fornecedores, o EDI irá gerar as informações e enviar automaticamente para o banco.

#3 Recebendo o retorno do parceiro de negócio

Essa automatização da troca de dados também se aplica para receber o retorno do parceiro de negócios envolvido nas transações. Os bancos vão, por exemplo,  processar as cobranças e devolver as informações para sua empresa que, por meio do EDI, receberá esses dados consolidados e preparados para seu controle e gestão. Lembra da empresa com milhares de boletos? Seu gestor financeiro vai poder entrar em um único portal de gestão financeira e saber tudo que a empresa tem para receber boletos  naquele dia, por banco ou por cliente, por exemplo. Sem a necessidade de acessar o Internet Banking de cada um deles.

A conectividade financeira  EDI como ponto único de contato das transações financeiras, combinado com uma VAN escalável e flexível, aumenta a produtividade do seu time financeiro, além de trazer mais segurança e acuracidade para toda a cadeia financeira da sua empresa! Ao optar por uma plataforma EDI para conectar sua empresa, você economiza recursos, otimiza o trabalho e facilita tremendamente a vida do seu time financeiro.

Ah, para otimizar ainda mais sua gestão e agilizar os processos, sua área financeira também pode contar com uma solução que permita fácil acesso ao saldo bancário do fechamento do dia anterior, de cada um dos bancos em que possui conta, com a totalização de débitos e créditos diários e a padronização dos diferentes extratos.

Vale a pena conhecer o a|s Conta Corrente!

 Conciliação de vendas com cartões: automatize e otimize

Quero mais informações sobre soluções financeiras

Preencha o formulário que nós entraremos em contato.

Inscreva-se na newsletter

Informações sobre o mundo da conectividade financeira